TCESP realiza segunda edição do Hackathon em outubro

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realizará, no dia 8 de outubro, a segunda edição do Concurso Cultural ‘Hackathon’ – evento que reunirá programadores, designers, profissionais e estudantes ligados ao desenvolvimento de soluções tecnológicas em uma maratona de programação, criatividade e inovação.

Segundo informou o Diretor da Diretoria de Sistemas (DSIS) do Tribunal de Contas, Fábio Xavier, a edição do Hackathon estará sob o formato de um ‘Game Jam’ e tem como objetivo o desenvolvimento de um jogo eletrônico educacional, direcionado para o público infantil com idade de 7 a 12 anos, relacionado ao tema de combate à corrupção.

“O objetivo é mostrar às crianças como identificar atos de corrupção em sua realidade. Mostrarmos que devem agir honestamente e de forma correta desde cedo, com amigos, professores, colegas, familiares e pessoas com as quais convivem”, destacou Fábio Xavier.

De acordo com o Diretor, a abordagem do tema, voltado à formação das crianças e adolescentes, partiu de sugestão proposta pela Presidência visando ao debate do assunto de uma maneira divertida, lúdica e em uma linguagem acessível e contemporânea.

Nos próximos dias o TCE irá disponibilizar um ‘hotsite’, contendo todas as informações sobre o evento - objetivos, datas, regulamento, premiação e link para inscrições – e divulgará orientações sobre como formar equipes e participar do evento. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail epcp@tce.sp.gov.br.

Hackathon

Realizado pela primeira vez em 2015, o Hackathon é uma iniciativa da Presidência do Tribunal de Contas de São Paulo, por meio do Comitê de Gestão Estratégica (GET), com o apoio da Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI) e da Escola Paulista de Contas Públicas ‘Presidente Washington Luís’ (EPCP). 

Hackathon significa maratona de programação. O termo resulta de uma combinação das palavras inglesas ‘hack’ (programar de forma excepcional) e ‘marathon’ (maratona). Surgido no final dos anos 90, é um evento que reúne programadores e profissionais ligados à área de informática cujo objetivo é desenvolver um software que atenda a um fim específico ou projetos livres que sejam inovadores e utilizáveis.